Improvável | Troca | TUBO DE ENSAIO

Posted by doug | Posted on 18:23

0

APENAS ASSISTA

Posted by doug | Posted on 18:07

0



Via Twitter

O Boticário - Dia das Mães 2009

Posted by doug | Posted on 13:40

0

FELIZ DIA DAS MÃES

Posted by doug | Posted on 13:38

0

Momento Xora G

CUIDADO NO PROVADOR

Posted by doug | Posted on 13:20

0

TCC MACKENZIE | CAFÉ PILÃO. mto bom...rs

Posted by doug | Posted on 12:27

0


LEIA ATÉ O FIM, VALE A PENA...RSRS

---------------------------------------------------------------------

TCC (Trabalho de Conclusão de Curso)

Pedido dos Alunos do Mackenzie ao Café Pilão:


Prezados Srs., gostaria de verificar a possibilidade da realização de
uma entrevista com o responsável pela Área de Marketing a respeito do
mercado de café tipo exportação no Brasil. Eu e meus colegas somos
alunos do curso de Administração/ Comércio Exterior da Universidade
Mackenzie e temos como tema do trabalho de conclusão de curso a
influência do selo 'tipo exportação' no consumo de café no Brasil. A
idéia é estudarmos os efeitos do produto exportável no mercado
doméstico e por isso selecionamos profissionais do mercado de café
cuja opinião nos seria de algum valor. A entrevista seria agendada
conforme a disponibilidade da sua empresa e não levaria mais do que
1h. Aguardo um retorno, e desde já agradeço.


Resposta do Café Pilão:

Agradecemos o seu contato e o seu interesse no nosso Café Pilão.


Informamos que nós, do Café Pilão, possuíamos uma política para
divulgação das informações sobre os nossos produtos e sobre a nossa
empresa. Desta forma, disponibilizamos o site para que o estudante
tenha acesso às informações sobre a marca do produto e a empresa
possíveis de serem divulgadas. Você poderá acessar nossa página pelo
endereço: < http://www.cafepila o.com.br > Esperamos que você possa
apreciar o site do Café Pilão, pois ele foi especialmente desenvolvido
com todo carinho para você! Mais uma vez agradecemos o seu contato e
colocamos o Serviço de Atendimento ao Consumidor a sua disposição.

Um abraço,

Gledes de Souza.
Serviço de Atendimento ao Consumidor.


Réplica dos alunos:


Prezado Sr. Gledes de Souza, somos alunos do último semestre do curso
de Administração/ COMEX da Universidade Mackenzie. Embora o nosso
curso seja meia-boca, Vsa. seja meia-boca e essa água suja que vocês
chamam de café seja meia-boca, nós não o somos e a nossa paciência se
esgotou. Como Vsa. não deve saber o que é stress, pois a sua
existência medíocre não prevê a transposição de limites, prazos,
etc, eu gostaria de, em poucas linhas, escrever que é muito foda
ralarmos para pagar a facu, mantermos nossos empregos, tentarmos
minimamente concluir os trabalhos que sempre deixamos atrasar e
ainda termos que aturar respostas imbecis como a que Vsa. nos mandou.
Para tentar fazê-lo perceber o quão estúpida foi a sua atitude, segue
um silogismo bem didático, com a seqüência de raciocínio que o seu
cérebro de amendoim deveria ter feito:

1.a minha mensagem chegou por meio do site do Café Pilão, portanto eu
tenho acesso à Internet

2. a mensagem foi escrita, logo eu sei escrever

3. se eu sei escrever, muito provavelmente eu saiba ler

4. se eu sei ler, tenho acesso à Internet e acessei o site do Café
Pilão p/ escrever a mensagem, eu vi o que havia escrito lá

5. se eu me dei ao trabalho de escrever uma merda de mensagem para uma
banca de idiotas do serviço de atendimento, é porque eu preciso de
algo ALÉM do que está no site.

Ficou claro?

Portanto, meu amigo, eu penso sinceramente que pessoas como Vsa.
deveriam ser esterilizadas ao nascer, pois assim pouparíamos as
futuras gerações do convívio desgastante que hoje somos obrigados a
manter, em nome dos direitos humanos e da civilidade.

Por fim, segue um conselho e um pedido. O conselho é que Vsa. se mate
o mais rápido possível, e o pedido é que, antes de se matar, você vá
tomar no ....,

Tréplica do Diretor de Marketing do Café Pilão:

Prezados Formandos:

Como vocês já devem ter percebido, cometeram vários erros na sua
solicitação, imperdoáveis em alunos que estão saindo dos bancos de uma
universidade para o mercado de trabalho..

Erro 1:

Vocês tentaram estabelecer contato com uma grande empresa usando o
canal de comunicação errado, ou seja, o SAC, Serviço de Atendimento ao
Consumidor. Se vocês já tivessem recebido a graça de um estágio numa
empresa medianamente organizada, este fato, além de transformá-los em
alvo de piada, jamais lhes renderia um emprego na alta administração,
nem menos no telemarketing que é onde as empresas atendem idiotas
iguais a vocês.

Erro 2:

Vocês também revelaram grande amadorismo em fazer este tipo de contato
por e-mail, como se em alguma empresa houvesse profissionais prontos
para responder pedidos de filhinhos de papai que deixam os seus
trabalhos de aula para a última hora, porque ficam fumando maconha,
correndo gatinhas e torrando a grana da família nos botecos da vida.
Existe um equipamento chamado telefone, que é atendido por uma
profissional chamada telefonista.

Aqui na Pilão, casualmente, a telefonista é uma diplomada em
Administração pela Mackenzie, com ênfase em Comércio Exterior, que,
por suas raízes, certamente abriria as portas para vocês.

Erro 3:

O trabalho proposto por vocês é de uma inutilidade espantosa, uma
prova de total incompetência para quem está obtendo um diploma de
bacharel em administração. Na verdade, é uma pesquisa estúpida e
imbecil, pois utiliza uma metodologia completamente errada -
'entrevistas com profissionais do café ' para'estudar os efeitos do
produto exportável no mercado doméstico'. Garotos, este tema já foi
pesquisado há 10 anos atrás e não tem mais a mínima importância
depois que Collor de Mello abriu as fronteiras do Brasil. Naquele
tempo, aliás, os jovens, além de estudiosos, também eram
politizados. Vocês já ouviram falar dos 'caras pintadas' ou acham que
isso é apenas um apelido para palhaços como vocês?

Espero, com esta resposta, estar contribuindo para a formação de vocês.

Mas, se esta resposta não lhes servir como uma pequena lição, fiquem
tranqüilos. Entrem novamente em nosso site <
http://www.cafepila o.com.br > e conheçam os nossos projetos sociais,
destinados a recuperar jovens drogados, a fazer inclusão digital
(ensina inclusive a usar a internet) e a tratar problemas sexuais em
jovens estudantes.

Ah, antes que esqueça, abriu uma oportunidade de estágio para
formandos em Comércio Exterior aqui na empresa: na Namíbia.

Sabemos que é no c.. do mundo, mas como vocês
merecem tomar no c..., é um bom lugar.

Atenciosamente.

Jairo Soares
Diretor de Marketing.

Recebi via email... vlw Ju, mto bom...rs

Improvável - Transforma (Barbixas e Cristiane Wersom) | Alguêm tem uma moeda ai?

Posted by doug | Posted on 09:38

0

Mto bom....rs

A bicharada está solta

Posted by doug | Posted on 18:34

0

É minha gente, feche os portões e tranque as janelas, porque a bicharada está solta! E não está para brincadeira não. Primeiro foi a vaca, coitada. Acusaram a pobre de transtornos mentais sem sequer lhe dar uma chance de defesa. A mimosa ficou tão triste que não fazia outra coisa a não ser ruminar as suas mágoas com seu amigo frango. A pobre vaca "louca" viu seu preço cair a cada dia. Ninguém tomava mais leite, ninguém comia mais carne. “Foi-se o tempo das vacas gordas”, lamentava a vaquinha maluquinha.

Vendo que o mar não estava para peixe, a vaca louca se juntou ao burro, que investiu tudo o que tinha e o que não tinha para tentar lucrar em cima da bicharada. O burro deu até pérolas para tentar convencer os porcos, que não embarcaram na conversa. Os porcos disseram que nem se a vaca tossisse eles dariam dinheiro pro burro.

A vaca tossiu e o frango gripou. A gripe do frango se espalhou para todo lado; até o elefante ficou de tromba por um bom tempo. Quem estava matando cachorro a grito agora era o frango. O pobre viu seu índice "downjones" despencar em poucos dias e ficou procurando algum bode para expiar seu sentimento de culpa de não ter tomado a vacina no ano passado.

A essa altura, o burro viu que seu esquema de "subprimes" não tinha dado certo e pagou o maior mico. Terminando a minha história para boi dormir, o porco pegou a gripe do frango e virou a ovelha negra da história. É pessoal, segurem o pássaro na mão, porque acho que deste mato ainda vai sair muito coelho. E tomara que não dê zebra para ninguém!

Via: ULTIMATO

OBAMA | O SALVADOR

Posted by doug | Posted on 18:26

0



RIO - Para homenagear Barack Obama por seus 100 primeiros dias na Casa Branca, o artista Michael D'Antuono ousou: retratou o presidente americano como ninguém menos que Jesus Cristo. Coroa de flores na cabeça, braços estendidos, a obra não deixa dúvidas de que o Obama é tido, pelo menos pelo autor da polêmica obra, como o novo messias, aquele que foi enviado à Terra para salvar a humanidade - ou pelo menos os EUA. A peça - acrílíco sobre lona, 76cm x 137cm - será exibida no dia 29, quarta-feira, em plena Union Square, em Nova York.

O autor se exime das críticas - e óbvias comparações - dizendo que a obra é "aberta a interpretações individuais". É verdade, há algumas diferenças. A cruz não está lá. Em seu lugar, ao fundo, o selo presidencial. Obama, ao invés do seio desnudo, veste terno. Mas mesmo o título da obra não deixa muita margem para dúvidas: "The Truth" ("A Verdade", em português), faz referência a um trecho da Bíblia em que Jesus diz a João 14:6, "Eu sou o caminho, a verdade e a vida".

"Mais que um retrato do presidente, 'A Verdade' expressa o momento político, religioso e social que nosso país atravessa", diz D'Antuono em material de divulgação da exibição de sua obra. "'A verdade', como a beleza, está nos olhos de quem vê", diz o press release da mostra.

D'Antuono ainda convida o público a enviar para ele, por e-mail, suas reações à peça, respondendo à seguinte questão: "Qual a sua verdade?"

Via: Inteligência Espiritual

A CABANA

Posted by doug | Posted on 18:22

0



Ontem foi dia de debate do livro A Cabana, NA IBABB,
Participaram da mesa-painel Ricardo Gouvêa e Ariovaldo Ramos, e como facilitador Ed René Kivitz. E abaixo as anotações de Eliene a respeito da fala do Ariovaldo:

A Cabana é um livro de ficção. É um livro corajoso pois reflete a ideia: Onde Deus estava quando eu estava sofrendo.

O Autor foi feliz, pois tratou de um tema com o qual a humanidade se identifica. É através da questão sobre o sofrimento que nos afastamos ou nos aproximamos mais de Deus. A dor pode nos aproximar ou nos afastar de Deus. Viver é sofrer, todo o juízo a respeito de Deus passa por este crivo de que sofremos. O Autor tentou solucionar uma angústia pessoal, e com isso atirou no que viu e acertou o que não viu.

Porque as pessoas anseiam por este Deus que ele descreveu, e ele conseguiu de alguma maneira dizer para as pessoas que Deus é diferente. Fez uma denúncia sobre aqueles que ensinam sobre Deus. Talvez não estejamos ensinando sobre Deus como deveríamos. E por isso, as pessoas só O adoram quando sentem pavor.

Mas, ele quer levantar a tese de que as pessoas adoram quem elas amam, porque todos querem ser amados. O sofrimento é a causa da maldade humana, que é descrita pela decisão humana de tornar-se independente de Deus.
Deus sofre em Cristo, e todas as evidências do sofrimento tem a marca do Cordeiro (aquilo que já ouvimos tantas vezes).

Essa independência da raça humana é fruto de sua decisão pelo mal, a rebeldia. E a resposta para isso é a cruz. Quero concluir com uma frase que é demais. O protagonista recebe um bilhete e aparentemente, é de Deus. Então veja a frase e guarde-a no coração: "Se é verdade que Deus não se impõe, é verdade que Deus sabe atrair."
Blog Volney Faustini

Eu ainda não li. Vou ler essa semana, pois estava lendo e estudando sobre sexualidade para passar para alguns grupos. Depois faço o meu comentário. Confesso que estou bem atrasada quanto à leitura da Cabana. Logo deixo minha opinião.

Via: Inteligência Espiritual

VC NÃO USA CINTO NO BANCO DE TRÁS?

Posted by doug | Posted on 17:55

0

VOCÊ GOSTA DE CORRER?

Posted by doug | Posted on 16:43

0

VOCÊ NÃO USA O CINTO DE SEGURANÇA?

Posted by doug | Posted on 16:39

0

CRIANÇAS VÊEM, CRIANÇAS FAZEM | PENSE

Posted by doug | Posted on 16:32

0



pense.

ATÉ QUANDO? | A VERDADE

Posted by doug | Posted on 15:19

0

Revoltado ou realista? Acho que as duas coisas...rs

VEJA PORQUE É IMPORTANTE O SEXO ANTES DO CASAMENTO.

Posted by doug | Posted on 12:28

0

Vídeo véio, mas mto legal...rs

AINDA TEM DÚVIDAS?

Posted by doug | Posted on 18:55

0

VAI UM DESENCAPETAMENTO AÍ?

Posted by doug | Posted on 16:02

0



é mto triste sentir vergonha alheia...rs

A VERDADE.

Posted by doug | Posted on 15:48

0

As imagens não mentem.








COMO FAZER UM BEBÊ

Posted by doug | Posted on 15:16

0



Vi no Pavablog

GRIPE SUINA

Posted by doug | Posted on 12:59

0

Cuidado crianças.



Veio pelo twitter

REPINTANDO A IGREJA | ROB BELL

Posted by doug | Posted in | Posted on 10:03

0

Dica de Livro.



“Precisamos continuar reformando a maneira de definir a fé cristã, a maneira de vivê-la e explicá-la” — ROB BELL


Já parou para pensar que fazemos parte de uma corrente histórica e mundial de pessoas que crêem que Deus não nos abandonou, mas está envolvido em nossa história desde o início? Em Jesus, Deus habitou entre nós de maneira singular e poderosa, mostrando-nos um novo tipo de vida. Uma nova perspectiva sobre o mundo em que vivemos.


Como parte dessa tradição, Rob Bell expressa a necessidade que temos de “continuar pintando, continuar reformando” a história da igreja e da cristandade. Não apenas produzindo mudanças plásticas e superficiais, como melhor iluminação e música, mas reafirmando convicções acerca de Deus, de Jesus, da Bíblia, da salvação e do futuro.


O leitor é convidado a ver o quadro da Igreja cristã que cada pessoa, em seu tempo e espaço, está pintando. Ainda há mais pela frente! Ainda não terminamos de pintar este quadro! Como fizeram os primeiros cristãos, também devemos buscar o entendimento do alto para esta nossa realidade: “pareceu bem ao Espírito Santo e a nós”!


ROB BELL é pastor da Mars Hill Bible Church, uma das igrejas que mais crescem nos Estados Unidos. É graduado pelo Wheaton College e pelo Fuller Theological Seminary, em Pasadena, Califórnia. Ele e a esposa, Kristen, têm dois filhos e moram em Grand Rapids, Michigan.

A venda no site da Editora Vida.

Mto bom.

Honda Insight | Let It Shine

Posted by doug | Posted on 14:25

0

Mto Show.


Honda Insight - Let It Shine from Honda on Vimeo.

Dica do Twitter

CRISTÃOS PECADORES | ARIOVALDO RAMOS

Posted by doug | Posted on 12:27

0



Dia 9.5 na Vineyard Café

VOCÊ DIRIGE BEM? OLHA ESSE CARA ENTÃO.

Posted by doug | Posted on 12:23

0

Habilidade é tudo.

PREITOS PRA QUE TE QUERO

Posted by doug | Posted on 11:50

0

Metal de sutiã desvia bala em assalto, diz polícia nos EUA

Uma americana que foi atingida por um disparo sobreviveu graças ao aro de metal de seu sutiã, informou a polícia de Detroit.

Em entrevista ao jornal Detroit News, os policiais disseram que o aro de metal do sutiã desviou a bala.

Uma mulher de 57 anos, cujo nome não foi revelado, estava observando pela janela um assalto à casa de seus vizinhos. Ela foi atingida por um tiro disparado por um dos assaltantes.

A bala estilhaçou a janela, mas não atingiu a mulher graças ao metal do sutiã. Segundo a polícia, a mulher ficou ferida e foi levada ao hospital, mas recebeu alta no mesmo dia.

O crime aconteceu na terça-feira na região oeste de Detroit. Os bandidos conseguiram fugir.

"Nós precisamos de alguns coletes a prova de balas como este material. É um metal muito resistente", disse o policial Eren Stephens Bell ao jornal de Detroit.

Via: BBC

Dedo com 'pen drive' | Vamos mandar um pro LULA?

Posted by doug | Posted on 11:12

0


Finlandês cria dedo com ‘pen drive'


Jalava se inspirou em uma piada para criar a prótese

Um programador de software finlandês criou para si uma prótese com um pen drive de 2 GB de memória, depois de perder parte do dedo anelar esquerdo em um acidente de moto no ano passado,

Jerry Jalava usa o pen drive, que pode ser acessado quando ele "levanta a unha", para armazenar fotos, filmes e programas.

Como a prótese não é permanente, ele pode retirá-la facilmente e conectá-la a um computador, para a transferência de dados.

Jalava afirmou que já está pensando em aumentar a capacidade de memória da prótese para incluir tecnologia wi-fi.

"Estou planejando usar outra prótese para a próxima versão, que vai ter a ponta removível e um microchip com identificação por freqüência de rádio (RFID, na sigla em inglês)", escreveu ele em seu blog, ProtoBlogr.net.

Jalava teve que amputar metade de seu dedo anelar esquerdo depois de ter se chocado contra um alce enquanto dirigia sua moto, no ano passado, perto de Helsinki.

Ele afirma que se inspirou em criar o drive no dedo quando os médicos que o tratavam brincaram que ele devia ter um USB "dedo drive", depois de descobrirem que ele desenvolvia programas de computador.

Via: BBC

Vamos mandar essa matéria pro Lula. Vai que ele se interessa. Será que ele sabe oque é um Pen Drive???

PQ JUDAS TRAIU JESUS? A VERDADE.

Posted by doug | Posted on 10:06

0

Ministros do STF batem boca

Posted by doug | Posted on 10:03

0

Muito bonito hein...

Danilo Gentili | Sabichona na platéia

Posted by doug | Posted on 09:52

0

Danilo encara um Senhora que sabe tudo.

MÃOS A OBRA

Posted by doug | Posted on 11:59

0


Escrevo esse texto, pensando: como começar e como terminar, algo que não tem muita ordem cronológica na minha vida. MAS, Decidi. Vou tentar.

Conversão não é uma coisa que os pastores colocam na palma da mão, como um pó mágico, e sopram lá de cima do pulpito pras pessoas que estão entregando à vida pra Jesus aqui embaixo. Por mais que essa seja a vontade da maioria.
Eu acho, e isso ontem ficou muito claro, que conversão tem mais a ver com o significado do dicionário do que eu podia imaginar.

Conversão s.f.
1. Acto ou efeito de converter.
2. Redução.
3. Mudança de forma ou qualidade, sem mudança de substância.
4. Mudança moral para melhor.
5. Entrada numa religião que se julga ser a verdadeira.

Por anos, eu pensei que conversão era uma coisa apenas entre eu e Deus, uma coisa que eu tinha iniciado com hora e data marcada, no dia em que eu levantei a mão e repeti umas palavras , que hoje já nem me lembro. Significado 1.
Pensei também, que o batismo era uma “etapa” da conversão, como se isso tivesse vários níveis. E eu fosse juntando as pedrinhas na coroa. Significado 5. Como eu era tola.
Continuava com a minha vida torta e tomando o mesmo rumo de antigamente, o que nada tem a ver com o ato de mudança de forma ou qualidade, como no Significado 3 ai em cima. Isso às vezes me incomodada, e às vezes não. Como naquela frase que a gente ouve, se sentir vontade de mudar, espera que a vontade passa. Foi mais ou menos assim durante muito tempo.
Até que eu fui confrontada do pior jeito possível: Minha própria consciência e avaliadora.
Senti-me extremamente substituível no reino de Deus aqui na terra, afinal eu não estava fazendo nada mesmo, até um saco de arroz poderia assumir meu papel. Era só colocar ele direitinho lá nas primeiras fileiras da igreja. Na hora do louvor colocar ele no chão, e depois sentado de novo.
Mas dessa vez eu não tive vontade de sentar e esperar que a vontade de mudança fosse embora, eu não quis medir forças com Deus pra ver quem iria ganhar. Claro que seria eu! Deus não ia me enfiar a mudança goela abaixo. Ele não tinha chance contra mim. Sou muito mais forte, assim como todas as pessoas, somos muito mais fortes do que Deus pra assumir nossos compromissos e responsabilidades, pra decidir que caminho tomar e pra fugir da verdade que muitas vezes não é tão boa quanto a gente espera. Mas não confunda força com sabedoria. Deus não é mais fraco que você, Ele é mais sábio, e entende que se você não quer a mudança agora, não tem como te forçar a isso. Isso só vai te repelir.
Dessa vez eu senti que não adiantava fugir, aquilo já me incomodava e eu só conseguia jogar pra debaixo da cama. Era hora de fazer alguma coisa e me sentir mais útil e mais humana. E foi através do nosso projeto de assistência social que eu senti que podia fazer algo.
No começo eu fiquei com duvida, típica de quem nunca fez nada por ninguém: “ Mas será que isso vem mesmo de Deus, ou sou eu querendo fazer as coisas?“ . Mas, isso já não importava, se essa fosse a minha motivação inicial, isso logo ia ser mudado. E se não desse certo, ficaria claro que não era da vontade de Deus.
Então, arregacei as mangas, montei um esqueminha simples de arrecadação de alimentos, junto com algumas pessoas que tinham esse mesmo desejo no coração. Contamos com a ajuda de toda a igreja. Montamos as cestas básicas , e distribuímos em um bairro carente aqui de Mogi das Cruzes. E beleza ! Tava feito. Me senti útil, legal. Deu certo, melhor ainda. Vamos repetir todo mês. Ihaa ! Significado 4 do dicionário alcançado.
Mas, eu ainda não tinha certeza se isso era desejo de Deus ou não. Eu não sabia se foi uma vontade, simplesmente, humana do meu coração.
E então, eu vi! A preocupação de Deus em me dizer que isso era SIM, vontade Dele, e mais ainda, que Ele se alegrava com isso. Eu não consigo, com palavras, mostrar como isso foi intenso pra mim.
Ontem, alguém me disse que essas cestas básicas têm ajudado muito, as famílias do bairro, e que uma senhora, de uma dessas famílias, foi agradecer com os olhos cheio de lagrimas.

Foi isso, essa simples frase. Foi ai que eu senti o amor de Deus pela vida dessa senhora, dessa família, pela minha vida e pela vida de cada pessoa que ajudou levando qualquer alimento pra que isso fosse possível. Eu tenho certeza que não foi o alimento que a fez chorar, talvez sim, mas eu quero acreditar que foi o amor de Deus, que tava ali, no saquinho, junto com o macarrão, com o leite em pó, com o feijão.

Deus coloca sentimentos no nosso coração, que por muitas vezes a gente confunde com os nossos. Mas ontem eu vi, que o ser humano, com a sua essência pecadora, é incapaz de uma ação que visa somente o bem de outra pessoa, se não for a graça de Deus na própria vida.
É isso. Cada palavra disso ai, significa o que eu vivi, o que eu penso, e o que eu tenho aprendido com Jesus. Não achei nenhum motivo pra usar o Significado 2 da palavra conversão, simplesmente porque não concordo com isso. Acho que conversão não é redução. É soma, de amor, compromisso, respeito e atitude.


G Flores ت
Give thanks and praise

VIDA DE HEROI, VIDA DA GENTE | HELLBOY

Posted by doug | Posted on 11:53

0



Domingão, na Vineyard Café

Chickenfoot na Estrada

Posted by doug | Posted on 11:30

0


O guitarrista Joe Satriani explicou em entrevista que está empolgado para levar o disco de seu novo projeto, o grupo, Chickenfoot, para a estrada.

“Passamos muito tempo juntos em estúdio, trabalhando muitas horas para superar as expectativas em relação ao Chickenfoot. Sentimos de verdade que gravamos um grande disco, mas agora estamos especialmente empolgados para levar o show a estrada e ver como os fãs reagem a ele ao vivo. Acredito que vamos satisfazer a energia dos fãs. Somos este tipo de banda”, explicou Satriani.

A banda, que conta também com os ex-Van Halen Sammy Hagar (vocais) e Michael Anthony (baixo) mais a presença de Chad Smith (bateria) dos Red Hot Chili Peppers, começa a turnê no dia 14 de maio em Seattle, nos Estados Unidos, e termina em Weert, na Holanda, no dia 12 de julho.

Confira as músicas do disco que será lançado no dia 05 de junho na Europa e no dia 09 de junho nos Estados Unidos:

1.Avenida Revolution
2.Soap On A Rope
3.Sexy Little Thing
4.Oh Yeah
5.Runnin' Out
6.Get It Up
7.Down The Drain
8.My Kinda Girl
9.Learning To Fall
10.Turnin' Left
11.Future In The Past
Ouça aqui as três músicas que a banda liberou em seu site.

Via: Purepop

Chris Cornell | Download Free

Posted by doug | Posted on 10:57

0


Chris Cornell grava faixa com fã e libera download
O cantor Chris Cornell, ex vocalista do Audioslave e Sound Garden, está oferecendo o download gratuito de uma música inédita em seu site oficial. A faixa foi gravada em parceria com um fã, Rory De La Rosa, que enviou a Chris um poema escrito para sua filha, que faleceu em decorrência de um câncer com apenas seis anos de idade.

Ao invés de pagar pela música, Cornell pede que os fãs que fizerem download de I Promisse It’s Not Goodbye, para que doem qualquer quantia para instituições de caridade.

Para baixar a música, basta entras no SITE OFICIAL do cara.

Mto bom.

VOCÊ SABIA? WIKIEDUCAÇÃO

Posted by doug | Posted on 18:20

0



mto bom

1 MINUTO PARA O FIM DO MUNDO

Posted by doug | Posted on 18:16

0

Não parece ser novo, mas achei mto loko.

NATURALMENTE SOBRENATURAL

Posted by doug | Posted on 17:26

0



Naturalmente Sobrenatural

PREGAÇÕES PÚBLICAS. VOCÊ É CONTRA OU A FAVOR?

Posted by doug | Posted on 17:19

0



Em São Paulo, evangélicos são proibidos de pregar nos trens da CPTM

Se a Constituição Federal, em seu artigo 5º Insisos VI e VIII, garante a todo cidadão brasileiro a liberdade de consciência e o livre exercício dos cultos religiosos, ao que parece a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), empresa responsável pelo transporte ferroviário em São Paulo e os evangélicos pregadores que, diariamente, usam sua malha ferroviária, parecem que não estão falando a mesma língua ou respeitando o mesmo código. Nos últimos meses, a exemplo do que já acontece com os vendedores ambulantes, a empresa também tem feito uma marcação cerrada contra os pregadores, que se julgam perseguidos e humilhados ao serem retirados das composições. Com isso, uma das mais conhecidas e tradicionais formas de evangelização, pelo menos na capital paulista, parece estar com os dias contados.
O estopim de toda essa discussão aconteceu na estação Engenheiro Goulart, Zona Leste da cidade, onde três usuários – José Airton da Silva Santos, Agostinho Ferreira da Silva e Hilda Macedo de Oliveira, todos citados na ocorrência interna Nº 10904/2007 emitida pela empresa – foram obrigados a desembarcar, por estarem fazendo pregação religiosa. Em seu estatuto (NG 005), a CPTM esclarece que qualquer atividade que cause transtorno aos usuários, nas quais está incluída a pregação religiosa, é proibida. E argumenta ainda que tal decisão é fundamentada no Decreto Federal Nº 1832 de 04/03/96, que aprovou o Regulamento dos Transportes Ferroviários no país. “Antes da adoção de medidas regulamentares à pregação religiosa no interior dos trens e estações, a CPTM visitou várias igrejas evangélicas para informar sobre essa legislação e esclarecer dúvidas”, garante, ainda, sua assessoria de imprensa.
O evangelista Adeildo Francisco de Lima trabalha como segurança numa loja de artigos evangélicos em São Paulo e, durante o trajeto de casa para o emprego e vice-versa, ele aproveita o tempo para suas pregações, consciente de que está salvando muitas almas. Ele afirma que, por diversas vezes, foi vítima de represália por parte dos fiscais das estações: “Já levei muita pancada, cusparada, e tive minha Bíblia rasgada”, desabafa. E mesmo que não agrade à maioria dos passageiros com seus sermões e discursos inflamados, ele persiste com seu trabalho que considera o cumprimento de uma determinação de Deus. “Os pagodeiros se reúnem na Luz e ninguém fala nada. Tocar pagode, jogar truco, dizer palavrão, tudo isso pode, agora é só começar a falar de Deus que alguém já manda calar a boca”, compara. No último dia 2 de dezembro, domingo, a CPTM destinou os dois últimos carros da linha Jurubatuba/Osasco para um show de pagode, com diversos músicos, compositores e cantores, em comemoração ao Dia Nacional do Samba, com o objetivo difundir o gênero.
“Houve vezes em que, simplesmente por estar falando sobre a Bíblia no vagão, passei o dia todo em um cômodo minúsculo, com três ou quatro policiais que me intimidavam com um interrogatório digno de ser aplicado a um criminoso”, relembra Marcelo Silva, pastor responsável pela Cruzada Evangelística Interdenominacional nos Trens das Boas Novas, movimento responsável pela divulgação do Evangelho nos vagões da CPTM. “Procuramos não ser inconvenientes e nos conduzimos de forma organizada e equilibrada”, garante.

Diálogo
O líder do PSDB na Câmara dos Vereadores de São Paulo, Carlos Bezerra Júnior, reuniu-se em novembro com representantes da presidência da CPTM para discutir o problema. “Impedir iniciativas como essa é antidemocrático; não se pode cercear nem tratar com brutalidade cidadãos que estão professando sua fé de forma pacífica”, ressalta o vereador que, imediatamente após a reunião, encaminhou documento à CPTM solicitando providências no sentido de garantir que os evangélicos não sejam, novamente, vítimas de represálias. E uma das alternativas sugeridas seria a formação de um grupo de líderes e representantes cristãos para facilitar o diálogo com a empresa. “A ação do vereador foi muito importante; nunca fomos recebidos com tanta atenção. Essa é uma necessidade antiga e, finalmente, agora parece estar sendo atendida”, opina Denise Pereira, missionária da Cruzada.
Apesar da proibição dos cultos, os evangélicos expulsos dos trens da CPTM contam com a solidariedade de diversas pessoas, crentes ou não, como o pastor Renê que, num e-mail encaminhado à redação de ECLÉSIA, questiona: “Tudo isso está acontecendo na Zona Leste de São Paulo, mas será que o Brasil está se tornando uma China comunista com tanta perseguição?”.
Há mais de dois anos, a evangélica Maria de Lurdes de Oliveira, 38 anos, faz uma verdadeira maratona para ir, diariamente, de sua casa no bairro de Itaim Paulista a Pinheiros, onde trabalha como empregada doméstica. E nesse período, ela afirma ter presenciado muitas ocorrências no interior dos trens, desde pequenos furtos até discussões violentas. “Já vi também os guardas tomarem mercadoria dos ambulantes e bíblias dos evangélicos”, comenta. Para mim, fazer qualquer coisa que vá contra a Palavra de Deus é pecado, além de imoral”, acrescenta.
Mas se nem mesmo Jesus agradou a todos, não seriam os pregadores que iriam conquistar essa proeza. “Conheço muitos evangélicos que respeito, como os meus vizinhos. Mas, todos os dias, voltando do trabalho, assisto à pregação de uma mulher no trem. Ela só fica gritando: ‘Louva a Deus Cristo’ e ‘Louva a Deus Senhor’. Acho uma falta de respeito com os passageiros que não estão dispostos a ouvir. Se eu quisesse um sermão evangélico, iria para uma igreja. Essas pessoas acreditam, piamente, que se você não vai ao templo é porque tem o coração fechado”, comenta um dos passageiros, que pediu para que seu nome não fosse revelado.

Quadro: Vagão dos evangélicos
Uma situação que tem se tornado comum nos trens das grandes cidades, não somente brasileiras como também no exterior, é o agrupamento de pessoas com as mesmas afinidades ou características num mesmo local. Até mesmo a Companhia do Metropolitano de São Paulo (Metrô) já estuda a possibilidade de destinar um dos vagões somente para gestantes. Entretanto, na maioria das vezes, o agrupamento corre por conta dos próprios usuários sem qualquer interferência das empresas. Na CPTM não é diferente, e uma das composições da linha Brás/Calmon Viana, que está entre as mais movimentas da Zona Leste, tornou-se uma espécie de ponto de encontro de evangélicos, e os cultos são comuns a qualquer hora do dia. “Não é sempre que dá certo, mas às vezes eu entro no vagão dos evangélicos. É como se estivesse orando na minha igreja, e até a viagem passa mais depressa”, comenta Maria de Lurdes. Face ao imbróglio causado entre os pregadores e a CPTM nos últimos meses, não é somente um dos mais tradicionais métodos de evangelização que corre o risco de acabar; a viagem do chamado “vagão dos evangélicos” também pode também estar chegando ao fim. Mas, para deixar os evangélicos um pouco mais tranqüilos, a CPTM argumenta: “A empresa não pode cercear o direito de ir e vir das pessoas, portanto não proíbe e nem proibirá que os evangélicos se reúnam para viajarem juntos. Qualquer cidadão tem o direito de viajar no vagão que desejar, em grupos ou sozinhas”.

Fonte: Revista Eclésia

Dica da G

BRIGA QUE EU GAMO

Posted by doug | Posted on 16:27

0


MAIS UM TEXTO SEM PRETEXTO.

Esse não é um texto para ser levado muito a sério. Não utilizei nenhuma base teológica nem psicológica nele, eu apenas quis dizer o que penso.
Dias atrás, passei um fim de semana com alguns amigos na praia.
Foi muito bom. Mas observei algo que já vinha observando com outros vários amigos há algum tempo.
Porque brigamos tanto com quem gostamos?
Eu sou um cara que tira qualquer um do sério, de verdade. Sou enrolado, distraído e falo sem pensar. Então sempre acabo discutindo com alguém, e às vezes, a discussão é feia. Mas depois de um tempo, estamos juntos de novo. E vejo isso com muitas pessoas e casais. Sempre batendo boca e discordando de muitas coisas, ficam de cara virada, mas depois como crianças, voltam e estão se amando de novo.
Então porque brigamos tanto?
Brigamos, discutimos, ficamos irritados, com a consciência pesada, depois voltamos com o rabinho entre as pernas.
Com essa dúvida na cabeça, conversei sobre isso com meu chefe, mostrei meu ponto de vista e perguntamos isso a algumas pessoas em um treinamento, na mesma semana em meu trabalho, porque no trabalho também brigamos muito. Sempre tem aquela pessoa que adoramos infernizar, ou somos infernizados, ficamos irritados e depois já estamos tricotando juntos. Você briga com seu namorado? Com seu marido? Com seus amigos? Todos responderam que sim, lógico.
Tinha gente que dizia brigar porque a mulher queimava o feijão, outra porque a mulher não sabia cozinhar, outra porque o marido não fazia nada, outra porque o namorado queria sair sozinho, outra porque os amigos saiam e não o chamavam.
Enfim, todo tipo de reclamação. Todos tinham motivos pra brigar.
Mas se gostamos tanto uns dos outros, porque brigamos tanto?
Só encontrei uma resposta. Brigamos porque amamos e queremos ficar juntos. Quanto mais amamos, mais brigamos, porque mais queremos estar juntos.
O dia que seu namorado disser: Olha, vou sair hoje com meus amigos e voltar amanhã às 6 da manhã. E você disser que tudo bem. Ai já era. Pode acreditar que seu namoro, ou casamento, ou amizade acabou. Porque você não se preocupa mais com essa pessoa.
Por isso brigamos tanto. Porque amamos.
E espero sinceramente que meus amigos continuem brigando comigo, mas que eles sempre estejam do meu lado e que eu possa fazer parte da vida deles.
Pode parecer bobo, mas eu prefiro brigar por amor a “relaxar” e ser só.
Continue brigando por amor, vale cada segundo.

Doug.

HOMEM ELÉTRICO

Posted by doug | Posted on 15:51

0







'O pensador moderno", inspirado em escultura da Auguste Rodin, é a última obra de Terren

Médico usa o próprio corpo e eletricidade doméstica para criar imagens inusitadas.

Um médico australiano e físico amador cria imagens inusitadas usando raios de alta voltagem e o próprio corpo em sua casa, numa zona rural do interior da Austrália.

Com um aparelho chamado bobina de tesla - um transformador que gerar alta tensão - Peter Terren transforma energia elétrica doméstica em um raio super potente que pode chegar a 500 mil volts, formando as "esculturas elétricas".

As fotografias de suas obras são colocadas em seu site, http://TeslaDownUnder.com/.

A carga elétrica passa pelo corpo de Terren, que usa uma camada de folhas de alumínio do tipo usado em construções por baixo da roupa para protegê-lo de choques. O alumínio conduz a eletricidade até o solo sem provocar desconforto no médico.

Em outras obras, Terren fica dentro de gaiolas de metal, para evitar o contato elétrico.

"Este é meu hobby, nada mais", disse Terren à BBC Brasil. "Minha família não se preocupa mais porque faço isso há anos. Eles só não gostam se afetar o sinal da TV", brinca ele.

Na sua mais recente obra, o médico se inspirou na famosa escultura de bronze O Pensador, do francês Auguste Rodin, rebatizando-a de Pensador Moderno.

Para criá-la, Terren recebe uma carga de 200 mil volts de eletricidade no corpo, que o transforma numa faísca humana durante cerca de 15 segundos.

Intensidade da corrente

"O mais perigoso não seria a alta voltagem usada, mas sim uma corrente com intensidade acima de 10 milhões de amps, o que não ocorre no caso de Terren pois ele usa correntes de baixa intensidade", explica o supervisor da faculdade de física da Universidade da Austrália Ocidental, Jayjay Thesan, que dá suporte técnico às experiências do médico.

"Não é perigoso porque ele faz com muita segurança e sem envolver ninguém", afirma ele.

Terren disse que, como não tem vizinhos - pois mora numa zona rural na cidade de Bulbury, Estado da Austrália Ocidental - assusta apenas os cangurus nos arredores cada vez que experimenta uma novidade.

Eu me descrevo como um "artista de alta voltagem", disse ele.

O médico, que se diz um "estudante do primeiro ano de física que abandonou a faculdade", explicou que quanto mais alta a voltagem, mas facilmente a eletricidade passa pelos objetos.

"Se a voltagem for alta o suficiente, passa pelo ar e o ioniza, formando as correntes de raios, como vemos nas fotos".

"Sou muito cuidadoso. Nunca recebi grandes choques", comentou.

Uma das obras mais visitadas no site de Terren é Proteção contra ladrões de carros, onde o australiano aparece conectando uma bobina de tesla no teto do carro, formando um anel elétrico em volta do veículo.

No entanto, a experiência que Terren descreveu como a "mais aventureira" foi na piscina.



O médico entrou na água e recebeu raios elétricos na cabeça, protegida por um chapéu de lata com alumínio. "Pareceu perigoso, mas foi muito seguro. Não faço nada perigoso. Não gosto de correr riscos".



Via: MSN

COMO ABRIR UMA CERVEJA COM UMA FOLHA DE SULFITE

Posted by doug | Posted on 12:21

0

Muito nas horas em que não temos um abridor de garrafas...kkkk.

PISCINA JAPONESA

Posted by doug | Posted on 11:06

0



não é novo mas é legal

CONSPIRAÇÃO TEKPIX

Posted by doug | Posted on 11:04

0

FAZER OU NÃO?

Posted by doug | Posted on 10:32

0

Escrevo esse texto, pensando: como começar e como terminar, algo que não tem muita ordem cronológica na minha vida. MAS, Decidi. Vou tentar.

Conversão não é uma coisa que os pastores colocam na palma da mão, como um pó mágico, e sopram lá de cima do pulpito pras pessoas que estão entregando à vida pra Jesus aqui embaixo. Por mais que essa seja a vontade da maioria.
Eu acho, e isso ontem ficou muito claro, que conversão tem mais a ver com o significado do dicionário do que eu podia imaginar.

Conversão s.f.
1. Acto ou efeito de converter.
2. Redução.
3. Mudança de forma ou qualidade, sem mudança de substância.
4. Mudança moral para melhor.
5. Entrada numa religião que se julga ser a verdadeira.

Por anos, eu pensei que conversão era uma coisa apenas entre eu e Deus, uma coisa que eu tinha iniciado com hora e data marcada, no dia em que eu levantei a mão e repeti umas palavras , que hoje já nem me lembro. Significado 1.
Pensei também, que o batismo era uma “etapa” da conversão, como se isso tivesse vários níveis. E eu fosse juntando as pedrinhas na coroa. Significado 5. Como eu era tola.
Continuava com a minha vida torta e tomando o mesmo rumo de antigamente, o que nada tem a ver com o ato de mudança de forma ou qualidade, como no Significado 3 ai em cima. Isso às vezes me incomodada, e às vezes não. Como naquela frase que a gente ouve, se sentir vontade de mudar, espera que a vontade passa. Foi mais ou menos assim durante muito tempo.
Até que eu fui confrontada do pior jeito possível: Minha própria consciência e avaliadora.
Senti-me extremamente substituível no reino de Deus aqui na terra, afinal eu não estava fazendo nada mesmo, até um saco de arroz poderia assumir meu papel. Era só colocar ele direitinho lá nas primeiras fileiras da igreja. Na hora do louvor colocar ele no chão, e depois sentado de novo.
Mas dessa vez eu não tive vontade de sentar e esperar que a vontade de mudança fosse embora, eu não quis medir forças com Deus pra ver quem iria ganhar. Claro que seria eu! Deus não ia me enfiar a mudança goela abaixo. Ele não tinha chance contra mim. Sou muito mais forte, assim como todas as pessoas, somos muito mais fortes do que Deus pra assumir nossos compromissos e responsabilidades, pra decidir que caminho tomar e pra fugir da verdade que muitas vezes não é tão boa quanto a gente espera. Mas não confunda força com sabedoria. Deus não é mais fraco que você, Ele é mais sábio, e entende que se você não quer a mudança agora, não tem como te forçar a isso. Isso só vai te repelir.
Dessa vez eu senti que não adiantava fugir, aquilo já me incomodava e eu só conseguia jogar pra debaixo da cama. Era hora de fazer alguma coisa e me sentir mais útil e mais humana. E foi através do nosso projeto de assistência social que eu senti que podia fazer algo.
No começo eu fiquei com duvida, típica de quem nunca fez nada por ninguém: “ Mas será que isso vem mesmo de Deus, ou sou eu querendo fazer as coisas?“ . Mas, isso já não importava, se essa fosse a minha motivação inicial, isso logo ia ser mudado. E se não desse certo, ficaria claro que não era da vontade de Deus.
Então, arregacei as mangas, montei um esqueminha simples de arrecadação de alimentos, junto com algumas pessoas que tinham esse mesmo desejo no coração. Contamos com a ajuda de toda a igreja. Montamos as cestas básicas , e distribuímos em um bairro carente aqui de Mogi das Cruzes. E beleza ! Tava feito. Me senti útil, legal. Deu certo, melhor ainda. Vamos repetir todo mês. Ihaa ! Significado 4 do dicionário.
Mas, eu ainda não tinha certeza se isso era desejo de Deus ou não. Eu não sabia se foi uma vontade, simplesmente, humana do meu coração.
E então, eu vi! A preocupação de Deus em me dizer que isso era SIM, vontade Dele, e mais ainda, que Ele se alegrava com isso. Eu não consigo, com palavras, mostrar como isso foi intenso pra mim.
Ontem, alguém me disse que essas cestas básicas têm ajudado muito, as famílias do bairro, e que uma senhora, de uma dessas famílias, foi agradecer com os olhos cheio de lagrimas.

Foi isso, essa simples frase. Foi ai que eu senti o amor de Deus pela vida dessa senhora, dessa família, pela minha vida e pela vida de cada pessoa que ajudou levando qualquer alimento pra que isso fosse possível. Eu tenho certeza que não foi o alimento que a fez chorar, talvez sim, mas eu quero acreditar que foi o amor de Deus, que tava ali, no saquinho, junto com o macarrão, com o leite em pó, com o feijão.

Deus coloca sentimentos no nosso coração, que por muitas vezes a gente confunde com os nossos. Mas ontem eu vi, que o ser humano, com a sua essência pecadora, é incapaz de uma ação que visa somente o bem de outra pessoa, se não for a graça de Deus na própria vida.
É isso. Cada palavra disso ai, significa o que eu vivi, o que eu penso, e o que eu tenho aprendido com Jesus. Não achei nenhum motivo pra usar o Significado 2 da palavra conversão, simplesmente porque não concordo com isso. Acho que conversão não é redução. É soma, de amor, compromisso, respeito e atitude.

Por G Flores

Da "mediunidade" protestante

Posted by doug | Posted on 10:27

0


Quando tive a honra de ser professor do Seminário Presbiteriano do Norte (SPN), no Recife, conheci um aluno que nos dias de semana passava a tarde dormindo ou jogando futebol na quadra, enquanto deveria pregar nas congregações. O mesmo era conhecido por se pretender “espiritual” e “renovado”. Intrigados, procuramos saber se ele não estudava as Escrituras e preparava os sermões com antecedência. O mesmo considerou tal expediente muito “carnal”. Ao dormir a tarde toda ou jogar bola, ele acreditava deixar a mente limpa para o Espírito Santo “baixar” com seu recado, de forma pura e cristalina, logo mais à noite...

Devemos reconhecer a força cultural do espiritismo e dos cultos de origem afro-ameríndia, e como eles influenciaram a percepção de espiritualidade de algumas igrejas protestantes. O Espírito Santo e os anjos funcionam como espécies de “orixás evangélicos”, “baixando” sobre pastores e missionários, qual “médium protestante”. Isso sem falar em “profetas”, principalmente “profetizas”, com suas revelações particulares sobre saúde, família e negócio, tomando o lugar simbólico das benzedeiras do catolicismo popular, das cartomantes e dos pais e mães-de-santo. Há uma forte equivalência simbólica.

Nos cultos, ou se tem os “médiuns” ou se tem os “artistas”, que lideram o show-da-fé, no centro do palco e das atenções, promovendo o entretenimento.

C.S. Lewis denunciava as gerações que desprezam as outras do passado, supervalorizando o presente (presentismo). Isso não somente atenta contra a herança apostólica e o consenso dos fiéis, vivenciado através dos séculos, como também pretende ser melhor: restauradores da “pureza” e outras formas de arrogância espiritual, que rompem a unidade mística da “comunhão dos santos” (conforme confessamos nos Credos).

John Stott diz que o que faz uma liturgia viva ou morta, seja ela mais ou menos estruturada (não há liturgia informal, pois o “informal” é, apenas, uma outra forma), é o fato de os fiéis serem convertidos ou não e acreditarem ou não no que se pronuncia. A entonação, os sentimentos, a fé fazem a diferença. Foi o mesmo Stott quem disse que “um anglicano carismático não é um pentecostal”.

Somos carismáticos porque acreditamos que não há igreja sem o Espírito Santo, e não há presença do Espírito Santos sem carismas. Se Hans Kung disse que uma das marcas do anglicanismo era a sua aversão a extremismos, alguém também afirmou que “na Igreja Anglicana o Espírito Santo sopra como um gentil cavalheiro”.

Somos uma igreja que preza dois mil anos de herança litúrgica da igreja, católica e reformada. Herança que é o conjunto do que foi, nas diversas etapas e lugares, fruto da ação do Espírito Santo nas comunidades de fé. Daí o Livro de Oração Comum -- Bíblia pura, ortodoxia pura -- ser uma das marcas distintivas do anglicanismo. Os seus diversos ritos não engessam os crentes, antes os edificam, e podem ser intercalados com orações espontâneas, cantos, declamações, teatro, testemunho, em uma convergência com um presente que não rompe com o passado. Uma das maiores contribuições que a Diocese do Recife está fazendo para a maturidade da igreja no Brasil é a edição (ora no prelo) do Livro de Oração Comum Brasileiro (LOCb).

Há quem goste de culto batista tradicional, e nós os respeitamos. Quem gosta desse tipo de culto é livre para adorar em uma Igreja Batista. Há quem gosta de culto pentecostal “clássico”, e nós os respeitamos. Quem gosta desse tipo de culto é livre para ir, por exemplo, e adorar na Assembléia de Deus. Há quem goste do culto neo (pós) pentecostal, com apóstolos, banhos de descarrego, retirada de encostos e três recolhimentos de ofertas, e nós os respeitamos. Quem gosta desse tipo de culto é livre para ir à Igreja universal, Internacional ou Mundial. Agora, pelo amor de Deus, deixem o anglicanismo em paz, com sua liberdade litúrgica, com sua diversidade, sim, porém “com ordem e decência”, com a alegria do Espírito Santo e o LOCb na mão. E isso não é “anúncio de missa de sétimo dia” para se adotar como “um doloroso dever”, mas uma adesão livre, convicta e entusiástica.

Somos uma igreja sem mediunidade, sem estrelismo e sem “showbiz”, graças a Deus!

• Dom Robinson Cavalcanti é bispo anglicano da Diocese do Recife e autor de, entre outros, Cristianismo e Política -- teoria bíblica e prática histórica e A Igreja, o País e o Mundo -- desafios a uma fé engajada.
www.dar.org.br

Via ULTIMATO

PRODIGAL GOD EP | Brian Doerksen

Posted by doug | Posted on 18:47

0


Você conhece Brian Doerksen?
Brian Doerksen é pastor e um dos responsaveis pela música da Vineyard Canada. O cara já lançou vários Cds e ja ganhou vários premios, incluindo o Juno Awards, prêmio equivalente ao Grammy lá no Canadá, como melhor CD de Rock Cristão.
Ele acabou de lançar o projeto Prodigal God, um EP com 6 músicas que esta disponivel para download gratuito por tempo limitado.
Um CD cheio de energia com o melhor do Rock n Roll. Daqueles que você deve ouvir no talo.

É só entrar neste SITE fazer um epequeno cadastro. Você vai receber um link em seu email. Ai é só abrir e baixar.

Aproveite, vale a pena.

Life is Sweet.

ONZE DE ABRIL

Posted by doug | Posted on 18:08

0

TEXTO QUE HAVIA POSTADO NO BLOG DA VCAFÉ.



Hoje é um dia que significa muito pra mim. Um dia que eu estava aguardando. Mas, o tempo mudou tudo.
Não é estranho como nós fazemos planos, agendamos coisas e de repente tudo muda?
Eu estava noivo e tinha agendado meu casamento para o dia 11 de abril de 2009, hoje. Estávamos vendo lugar, fazendo lista, correndo atrás. Mas, algumas coisas aconteceram e nos separamos. Isso já algum tempo. Mas, continue pensando nesta data. Pensando em como seria esse dia, o hoje. No fundo, todos nós temos esperança de que as coisas voltem, se arrumem, se encaixem, entrem nos eixos, sei lá. Mas, isso não aconteceu. E hoje, em meio a tudo isso, em meio à estranha sensação de que nem tudo saiu como eu queria, sinto que Deus tem cuidado de mim e está comigo.
Vejo Deus por causa de coisas simples, mas, que pra mim estão fazendo muita diferença nos últimos dias.
A bíblia mostra varias situações onde Deus dá o que as pessoas precisam. Deus sempre dá o que precisamos, e o que precisamos, nem sempre é o que queremos porque, na maioria das vezes, o que queremos não é o que precisamos.
Hoje eu poderia estar deprimido, muito triste, muito mal. Lógico que não estou radiante de felicidade, rs. Mas, me sinto bem, pois vejo o cuidado que Deus tem tido comigo.
Vejo que tudo que passei e tenho passado, mesmo que não fazendo muito sentido pra mim, tem me tornado um homem melhor. Às vezes precisamos passar por alguns perrengues pra nos tornarmos quem Deus quer que nos tornemos. E muitas vezes, vejo que as coisas não são fáceis como eu queria, porque se fossem eu não daria o devido valor.
Vejo o cuidado de Deus em não me deixar só. Talvez se eu estivesse caminhando sozinho, tudo estaria sendo muito mais difícil. Mas, não. Ele me deu amigos de verdade, pessoas que caminham comigo, que estão comigo sempre, seja feliz ou triste, amigos que alias, quase nunca me deixam ficar triste.
Lembro a alguns anos atrás, antes de seguir a Cristo, quando passei por uma situação parecida, quando terminei um namoro. Mas, meus amigos, eram amigos tipo de “balada”, quando as coisas estavam boas, eles estavam comigo, quando tava ruim, era cada um por si. Foi tudo muito mais difícil. Parecia que nunca ia passar. Mas, hoje vejo a fidelidade de Deus, pois Ele colocou pessoas ao meu lado que não me deixam cair, e se eu tropeço, eles estão ali pra me ajudar a levantar. Amigos que me fazem entender melhor o significado de Provérbios 17:17. Amigos que hoje me levaram pra comer pizza, algo simples, mas que significou muito pra mim, pois hoje em um espaço de dor, eles conseguiram colocar amor.
É incrível como nos últimos meses não tenho ficado sozinho, rs. Sempre tem algo para fazer, e nisso vejo a mão de Deus.
Não sou o melhor exemplo de amigo, rs, sei muito bem disso, se tenho amigos de verdade, é por insistência deles, rs. E nessas simples amizades, vejo a imensidão do amor de Deus e de Seu cuidado infinito.
Vejo Seu cuidado em me dar um emprego onde tenho de estar sempre concentrado, me manter ocupado com trabalhos de faculdade, com os compromissos e projetos da igreja, quando estou em casa, sem nada pra fazer, conversando com minha família, não tendo tempo pra pensar besteira.
E quando consigo desanimar, pensando no que eu queria, sinto Deus ao meu lado me dizendo: Estou com você.
Espero e oro para que Deus continue me dando o que preciso, e não somente o que eu quero. Pois se Ele não me deu, deve ser porque talvez eu não conseguisse “usar” aquilo da melhor forma.
Pode parecer exagero, mas é como pedir uma Ferrari sem saber dirigir direito e se arrebentar com ela em um poste qualquer, ou pior, matar alguém, rs. Começa por uma fusca e vai aprendendo. Vai ser bem melhor para todos.
Mesmo não tendo o que queria, estou feliz, pois sei que Deus tem feito a vontade dEle, por que se for fazer só a minha, eu nunca serei quem Ele precisa que eu seja. E que eu possa ter sempre a mente e o coração abertos, para vê-Lo nas pequenas e simples coisas e não buscá-Lo somente nas grandes.
Um dia, tudo que a gente passa e não entende, fará sentido. Estas nossas histórias vão nos ajudar com outras pessoas que passarão pelas mesmas coisas. Poderemos chegar até elas, sentar ao teu lado e dizer: Você vai sobreviver, pois Deus está com você.
Ouvi uma música de um amigo um dia que dizia pra Deus: Eu não entendo, não mereço, mas você sempre diz que sim.
Hoje é um desses dias. Espero ter muito mais desses.
Seja feita a Sua vontade... sempre.

Doug.
Dependente , Imperfeito e incompleto.

SÓ POR CAUSA DO SAIÃO?

Posted by doug | Posted on 16:49

0


Nunca escrevi um texto “cristão” porque me acho, humildemente, sem conhecimento teológico suficiente para isso. Mas posso, muito bem, escrever sobre a minha vida, onde Deus está presente em todas as áreas.
Ultimamente me inscrevi num site de relacionamento, uma espécie de miniblog (twitter), muitas pessoas passaram a me seguir, e eu , seguindo de volta, afinal que mal tem nisso?
Confesso que durante 3 semanas, fiquei no armário, não dizia nada que me rotulasse cristã, mas nada que me mostrasse diferente disso.
Conheci algumas pessoas, que sempre falavam comigo, respondia aos meus “bom dia” como ecos, e fui construindo uma ponte imaginária com alguma delas. Sem que nenhuma palavra sobre “religião” fosse dita. Até que eu soltei uma twittada: Estou lendo A CABANA.
Apesar desse livro não ser gospel, (o que não muda nada a essência do livro), é um livro que diz muito sobre relacionamento com Deus, simples e puro. Quebra todo o esteriótipo de um Deus mal, que brinca com a humanidade e sente prazer em mandar os pecadores pro inferno. Confesso que muitas das minhas dúvidas estavam ali, expressadas pelo personagem principal do livro, e sendo respondidas da maneira mais simples e viva que eu já vi.
Voltando ao twitter, muitas pessoas me responderam, dizendo que eu iria gostar muito, que o livro tem uma visão sobre Deus diferente de tudo que aprendemos quando criança.
E foi ontem, quando terminei de ler o livro, enquanto esperava o médico chegar para a consulta, que senti uma imensa vontade de falar sobre o amor de Deus pras pessoas, aonde eu fosse, onde eu estivesse, pra quem quer que lesse. Não que eu me sentisse fria antes, mas esse livro acendeu a vontade de mostrar o Deus de amor pras pessoas.
Hoje, enquanto twittava, disse algo sobre Deus, e algumas pessoas se manifestaram, perguntaram se eu era “evangélica” , eu respondi da maneira que eu achei que deveria. Disse que não era evangélica e não me considerava crente, mas me definia facilmente como Cristã, seguidora e imitadora de Cristo. E foi ai que eu me dei conta, de que Deus pode usar até um miniblog. que pra mim não tinha outra utilidade a não ser passar o tempo, pra mostrar a Sua grandeza e Seu amor por cada um.
Posso ta sendo muito emotiva, ou usando termos crentes demais, mas eu senti que Deus pode usar a minha vida, e a de todos, em todos os lugares, por mais que a gnt não escancare a nossa crença, Deus ta ali, e Ele não se esconde.
Fiquei feliz em ler de algumas pessoas que “ as aparências enganam” , porque senti que posso ser humana e cristã, que não preciso escrever no meu nick que acredito em Deus ou usar uma foto de cruz. Senti que algo me destaca no meio da multidão, e é o Seu amor, e a Sua graça.
Que Deus continue agindo de maneiras misteriosas e empolgantes na vida de cada um.

Amém.

Por G Flores, irmã de caminhada e membro da VCafé.

THE VOCAPEOPLE | TUDO NO GOGÓ

Posted by doug | Posted on 18:09

0

Impressionante.
Perfeito.

O ISLAMISMO, EU E DEUS.

Posted by doug | Posted on 09:34

0


Olá pessoas. Não sou perito em escrever textos e/ou artigos, sou péssimo com acentuação e não sou o melhor no domínio da língua portuguesa. Então vou usar de toda a liberdade poética e virtual que a internet nos oferece, colaborando muito para nosso emburrecimento cultural, a começar por mim. Mas a internet não é o caso aqui.
Sempre acontecem pequenos fatos durante meu dia-a-dia que me fazem pensar e repensar sobre o rumo da minha vida. Mas a alguns dias tem acontecido fatos, que realmente tem me feito pensar sobre minha postura como um cristão imperfeito e incompleto diante de Deus.
Como alguns sabem (e outros não), a pouco menos de um mês estou cuidando do depto de marketing de uma rede de lojas de Mogi. Essa rede por sua vez pertence a uma família de Libaneses, da qual sou amigo a uns 10 anos.
Esta família tem como religião o Islamismo. E com o convívio do dia-a-dia, tenho aprendido um pouco de como é a sua rotina “religiosa”.
E por incrível que pareça, tenho aprendido muito com eles.
A começar pela sua postura diante dos funcionários.
Já trabalhei em muitos lugares, com todo tipo de gente e já tive todo tipo de patrão, de todas as raças, credos e cores. Mas, os 4 proprietários desta rede de lojas tratam da faxineira ao gerente, do montador ao arquiteto da mesma forma, em tudo. Eles dão atenção a todos, se preocupam com cada um e fazem questão de lembrar a todo o momento, o quanto eles são importantes naquele meio. Não estou dizendo que são perfeitos, mas digo que eles têm uma preocupação que poucos de nós, como “cristãos” que dizemos ser, tem hoje em dia, ainda mais na correria em que vivemos.
Não entendo ao pé da letra o islamismo, mas pelo pouco que vejo, fico muito surpreso.
Todos os dias, sem exceção, alguns jovens vêm da mesquita até a loja para, apenas, conversarem com alguns dos meus chefes. Eles não vêm pedir nada, trazer nada, apenas vêm, sentam, conversam e às vezes oram (da forma deles) juntos. Com o calor que tem feito, eu estou com preguiça de sair pra almoçar, e esses caras vêm andando lá da mesquita, que não é nada perto do meu trabalho, com aquelas roupas que vão do pé à cabeça.
Isso tem me feito pensar, será que um dia serei assim? Será que irei um dia sair da minha zona de conforto e visitar um irmão, apenas para ver como ele está, pelo prazer de estar ali com ele?
Lógico que nós sempre saímos pra ver nossos amigos, mas quantas pessoas hoje na igreja estão esperando por uma visitam, um telefonema, algo que as façam se lembrar que tem alguém preocupadas com elas?
E não para por aí. A parte que mais me impressiona não é essa ainda.
Diz aí, quantas vezes ao dia, ou na semana você para tudo que está fazendo e ora a Deus agradecendo por tudo que Ele tem feito por você? Muitas vezes eu deixo para orar a noite, mas chego tão moído, que quando vejo minha cama eu capoto e entro em coma sobre ela.
Deixando de lado a religiosidade, pois não sou ninguém pra dizer quem está certo e quem está errado. Hoje, uma cena se repetiu e novamente eu fiquei surpreso.
Estávamos eu e mais 3 pessoas, fazendo uma reunião de planejamento. Uma dessas 3 pessoas era meu chefe. A reunião se estendia por mais de uma hora. De repente, ele disse para encerrarmos a reunião, pois já estava muito longa.
Ok, manda quem pode, obedece quem tem juízo.
Fui para minha mesa e notei que esqueci, pra variar, de informar algo a ele. Voltei até aquela área da loja e ele havia sumido. Perguntei onde ele estava e ninguém sabia. Fui até o fundo da loja, onde alguns clientes estavam sendo atendidos, e ao olhar para a esquerda, ao lado de uma mesa, vi o ali no chão, ajoelhado, orando e agradecendo por tudo que Deus estava fazendo em sua vida. Detalhe, os clientes e funcionários podiam vê-lo facilmente, e ele não estava nem ai pra isso. Estava somente interessado em orar e agradecer. Eu já o conheço a um bom tempo e não é a primeira vez que o vejo fazer isso. Deixando novamente a religiosidade, vi ali que ele realmente estava com o coração entregue naquela oração. Naquele momento me senti muito envergonhado, pois quantas vezes eu deixei de orar em voz alta por vergonha ou outro motivo qualquer. E o pior, quantas vezes ao dia eu tenho parado tudo para orar e agradecer a Deus por tudo que Ele tem feito. Não falo daquela paradinha de 1 minuto antes de dormir, mas sim, um tempo separado pra Deus, onde todo meu coração e mente, estarão voltados para Ele. Podem até dizer que essas caras são religiosos, mas já os vi pararem e orarem 3vezes em um dia, mesmo sendo religiosidade, eu não tenho feito isso nem uma vez ao dia.
Esse mês, as vendas estão muito ruins, devido à crise do mercado e ao carnaval. Mas todos os dias quando fechamos a loja, um dos proprietários sempre fala: temos que agradecer a Deus, pois Ele tem sido muito bom com a gente. O cara agradece até em dias em que não vendemos NADA. E eu? E você? Temos agradecido a Deus simplesmente por Ele estar cuidando de nós? Apenas porque Ele tem nos dado uma vida muito boa? Apenas por estarmos vivos? Apenas por Ele ser bom com a gente?
Tenho tentado viver uma vida reta diante de Deus, confesso que não tem sido fácil, que sou o maior pecador e o cara mais podre que conheço, mas hoje, venho agradecendo a Deus por tudo que Ele tem feito por mim, por Ele ser MUITO bom pra mim, pois se não fosse Ele, eu nem estaria aqui, eu não teria esse emprego, não teria meus amigos, minha vida, eu não seria nada.
Sei que a bíblia fala para orarmos em nosso quarto, sem fazer escarcéu, sem ficar gritando nas praças feito um doido, botando medo nas pessoas. Mas se reservar um tempo pra Deus e não ter vergonha de mostrar que eu O amo e sou grato a Ele é ser “religioso”, acho que está na hora de eu ser um pouco mais “religioso”.

Nós vemos no caminho.

Douglas Araujo | cansado de ser evangélico

I Know It's Only Rock'N'Roll

Posted by doug | Posted on 09:29

0

Show.

Tears in heaven

Posted by doug | Posted on 09:28

0

Um clipe não muito novo, mas muito legal.

Steven Tyler | Lean On Me

Posted by doug | Posted on 09:18

0

Steven Tyler cantando em um igreja americana. Mto bom.


Steven Tyler | Amazing Grace

Posted by doug | Posted on 09:16

0

Steven Tyler cantando em um igreja americana. Mto bom.


Glória a Deus irmãos....

A retórica do discurso evangélico

Posted by doug | Posted on 18:52

0


Os líderes evangélicos dizem que igreja não salva ninguém.
Mas não acreditam realmente que alguém que não freqüenta igreja alguma possa ser salvo.

Os líderes evangélicos dizem que Deus ama quem dá $ com alegria.
Mas não acreditam que um irmão pode estar precisando exatamente do contrário: receber

Os líderes evangélicos dizem que não existe representante de Deus na Terra.

Exceto quando se trata do dízimo, pois, ao não entregá-lo para a instituição religiosa, o crente está roubando a Deus.

Os líderes evangélicos dizem que o exame das escrituras é livre.
Mas não aceitam a exposição de opiniões e interpretações diferentes na Escola Dominical.

Os líderes evangélicos dizem que o sacerdócio é universal.
Mas não acreditam que ovelhas possam viver sem se submeter às autoridades eclesiásticas.

Os líderes evangélicos dizem que Deus odeia o pecado e ama o pecador.
Mas não acreditam que Deus possa amar aos “gentios” tanto quanto aos crentes.

Os líderes evangélicos dizem que não existe “pecadinho” e nem “pecadão”.
Mas disciplinam irmãos por causa de alguns pecados considerados mais graves e ignoram outros pecados tidos como menos graves.

Os líderes evangélicos dizem que é preciso amar ao próximo como a ti mesmo.
Mas pensam que o “próximo” se refere somente aos seus irmãos de fé e não aos que confessam outra (ou nenhuma) fé.

Os líderes evangélicos pregam que é preciso dar a outra face ao inimigo.
Mas não fazem desta maneira com grupos pró-aborto, macumbeiros, homossexuais e ateus.

Os líderes evangélicos dizem que Deus é soberano e sua vontade é o melhor.
Mas não tem temor ao aconselhar ao rebanho a exigir que Deus “olhe para eles” para poder tomar posse das benção$.

Os líderes evangélicos pregam que Jesus foi pobre, andou com pecadores, venceu o diabo no deserto e sofreu morte de cruz.
Mas te fazem acreditar que você está pobre (ou no leito da morte) porque não tem fé. Provavelmente está endemoniado e anda com pecadores.

Viver e liderar um evangelho assim é fácil, não?


Via: Sal com Pimenta
Mas vi primeiro no Pavablog


Mto bom.

Para segurança pessoal...TPM !

Posted by doug | Posted on 12:01

0


O Refém do Hormônio Feminino sabe que existem dias do mês em que basta um homem abrir a boca para ficar com sua vida por um fio.
Esse é um guia útil, seguro, e que deveria estar sempre à mão, na
carteira de todos os maridos, namorados, amantes ou similares!

Memorize para sua própria segurança:

FRASES E PROCEDIMENTOS PARA SOBREVIVER A UMA MULHER COM TPM:

PERIGOSO: O que tem pro jantar?
SEGURO: Posso te ajudar com o jantar?
SEGURÍSSIMO: Onde você quer ir pra jantar?
ULTRA-SEGURO: Aqui, come esse chocolate.

PERIGOSO: Você vai vestir ISSO?
SEGURO: Nossa, você fica bem de marrom!
SEGURÍSSIMO: Uau! Tá uma gata!
ULTRA-SEGURO: Aqui, come esse chocolate.

PERIGOSO: Tá nervosa por quê?
SEGURO: Será que não estamos exagerando?
SEGURÍSSIMO:Vem, deixa eu te fazer um carinho...
ULTRA-SEGURO: Aqui, come esse chocolate.

PERIGOSO: Será que você devia comer isso?
SEGURO: Sabe, ainda tem bastante maçã.
SEGURÍSSIMO: Quer um copo de vinho pra acompanhar?
ULTRA-SEGURO: Aqui, come esse chocolate.

PERIGOSO: O que você fez o dia todo?
SEGURO: Espero que você não tenha trabalhado demais hoje.
SEGURÍSSIMO: Adoro quando você usa esse robe!
ULTRA-SEGURO:Aqui, come esse chocolate.

Passe adiante para todos os seus amigos que possam ser vítimas das
cruéis transformações de suas mulheres com os problemas da TPM.

Eis algumas definições para TPM:
- Todos os Problemas Misturados.
- Tendências a Pontapés e Murros.
- Temporada Proibida para Machos.
- Tocou, Perguntou, Morreu.
- Tente no Próximo Mês.
- Tô Pirada Mêrrmo.
- Tempo Pra Meditação
- Tendência Para Matar
- Tira as Patas, Moleque
- Total Paranóia Mental.
- Temperamento Puramente Mal-Criado


E, finalmente, LEMBRE-SE:
'TPM é aquela época do mês quando algumas mulheres se comportam, por alguns dias, da maneira como grande parte dos homens se comportam durante TODO o ano.'

Via: Email da G (uma mina em constante TPM)